Como são as festas de Natal ao redor do mundo

Natal Excellent Global

Quando você pensa nas festas de Natal, a sua mente logo faz a ligação de enfeitar a árvore? Ou ainda se reunir com os familiares e amigos para uma confraternização repleta de comida e presentes

Se isso acontecer, tudo bem. Afinal, é dessa forma que o Natal é comemorado no Brasil. Porém, em outros locais do mundo, essa época do ano é festejada de outras formas. Em alguns lugares possuem até outro significado. 

Então, bota o som na caixa com muito “Jingle bells, jingle bells” e confira o texto até o fim para conhecer as celebrações em outros países.

Fique por dentro: Treine o seu inglês assistindo filmes sobre o Natal

Como acontece o Natal ao redor do planeta?

Vamos fazer de conta agora que pegamos uma carona no trenó do Papai Noel e viajar ao redor do mundo em uma leitura de 5 minutinhos? É hora de conferir como acontece o Natal em 7 países diferentes. 

Japão

O Natal é mais conhecido por ser uma tradição católica e do ocidente. Porém, o Japão também celebra a festa, mas com um viés mais ligado para casais apaixonados e ao comércio.

Sim, por lá também existem muitas decorações, com luzes brilhantes e músicas, mas a data mais parece com o Dia dos Namorados do Brasil. Normalmente os casais trocam presentes, passeiam pelas ruas enfeitadas e participam de jantares românticos. 

É costume também fazer a ceia no famoso KFC e comer bolo de morango com chantili, chamado por lá de “Bolo de Natal”.

Islândia

O segundo país da nossa lista é um lugar bastante frio. O desembarque acontece na Islândia, quando o Natal conta com poucas horas de sol e temperaturas que podem marcar até -30 °C.

No país nórdico a tradição que mais chama atenção é a troca de livros. Por esse motivo, mais de 70% dos lançamentos literários acontecem nos últimos três meses de cada ano. 

Depois da ceia, acontece uma troca de presentes e as famílias se unem para uma atividade em comum: a leitura.

lendo livro no natal

Venezuela

O Natal no país vizinho ao nosso é, digamos, um pouco mais radical. Muitas ruas são fechadas para que a população possa se divertir com a festa. 

As igrejas normalmente realizam grandes confraternizações para que as pessoas participem da tradicional missa de Natal e depois… possam andar de skate, bicicleta e patins. Uma verdadeira festa sobre rodas.

China

Mais um grande país asiático que aderiu ao Natal. Na China, os estrangeiros residentes começaram a levar a tradição, enquanto os chineses se aproximavam aos costumes do ocidente para melhorar o comércio. 

Atualmente é uma rotina que a população se reúna para jantar e trocar presentes, mesmo tendo apenas 10% dos residentes adeptos ao catolicismo.

As casas também são decoradas com lanternas de papel e árvores de Natal. Por lá, o Papai Noel também existe, mas com o nome de Dun Lhe dao Ren, que em português quer dizer “Velho Natal”.

Canadá 

No Canadá é um costume vender roupas com temas natalinos. Por lá, aliás, a população adora usar os “ugly sweater”. Esses blusões feios, quanto mais estranhos forem, mais os canadenses gostam.

Esses trajes engraçados e divertidos são vistos nas festas de fim de ano das empresas e entre amigos e familiares. No dia 25, pela manhã, os presentes são abertos.

Índia

Nossa viagem pelo mundo chega agora até a Índia, o segundo país mais populoso do planeta. Por lá, tirando os cristãos, o Natal é comemorado diferente da forma que conhecemos.

O destaque acontece com o Diwali, um festival de luzes. Os lares são iluminados e os familiares se reúnem para momentos de orações e ceias. A festa, aliás, se assemelha muito com o Ano Novo brasileiro. Os indianos acreditam que os momentos ruins ficaram para trás e coisas boas virão pela frente nos próximos 365 dias.

Austrália 

Na terra dos cangurus, festas são realizadas ao ar livre, com muitos shows acontecendo nas praias. Assim, é o Natal australiano. 

Na ceia, o menu conta com carne assada, peixes e frutos-do-mar. Doces também fazem parte e o pudim não pode faltar na sobremesa.

O país é conhecido por também ter o Boxing Day, no dia 26 de dezembro, quando as lojas vendem produtos com até 70% de desconto. Por esse motivo, é um costume presentear os amigos e familiares depois do Natal.

Estados Unidos

Encerramos nossa jornada nos Estados Unidos. No país, diferente do Brasil, quando as famílias se reúnem na noite da véspera do Natal, por lá é só mais um dia normal e não existe nenhum tipo de comemoração. 

A festa mesmo começa no dia 25 pela manhã, quando as crianças acordam e vão olhar os presentes colocados embaixo da árvore de Natal. A ceia acontece na hora do almoço, quando os parentes e amigos se reúnem para desfrutar do peru, tender e torta de maçã.

Uma das maiores tradições no país está na decoração das casas. É comum ver lares enfeitados com muitas luzes, renas, papai noel, etc. Para deixar tudo bem bonitinho, são dias e dias de preparação.

Natal em janeiro pode?

Mas você sabia também que existem alguns países que o Natal é celebrado em janeiro e não em dezembro? Em locais onde o cristianismo ortodoxo prevalece, como na Rússia e Grécia, a festa acontece no dia 7 de janeiro. A data é seguida também pela Turquia e em alguns países da África e América.

Ali o calendário juliano, criado em 45 a.C é seguido pela população, no lugar do gregoriano, estabelecido pelo papa Gregório XVIII, em 1582, modelo mais difundido pelo globo terrestre.

Você gostou desse conteúdo? Então, não deixe de nos acompanhar nas redes sociais e no nosso blog para ter acesso a mais conteúdos como esse. 

Aproveite para curtir o Natal e o Ano Novo com pessoas queridas. A gente se vê novamente em 2023.